domingo, 29 de abril de 2012

                   Um tipo diferente de Amizade
 



Essa amizade q eu falo é aquela com os garotos q todos estranham e já pensam assim:q o garoto é boiola.Isso é mó preconceito,pois os amigos homens são muito bons,se vc tem um,não tenha vergonha dele,mas sim orgulho,pois só essa amizade será verdadeira.
  Não to falando q os amigos são melhores q as amigas,mas sim q se vc tem vergonha dele então isso não é amizade,mas sim q vcs são só colegas. 
 Dayane F.B. da Silva 
               Sentimento Estranho
                     (parte-2)
  






 As vezes não sei oq sinto,só sei q é algo estranho,um sentimento diferente podendo ser amor,amizade ou saudades.É difícel me expressar,mas não significa q não consigo,o blog é como se fosse meu segundo diário e é nele q sei q posso me expressar,sem ter vergonha dos leitores ou de qualquer pessoa,é como um sentimento estranho e não dá pra explicar,pois sou muito tímida,como será q isso acontece,não sei e não consigo imaginar.  
      
          Dayane Fernandes Barcellos da  Silva

sábado, 28 de abril de 2012

                                     Amor

  


O amor é algo q ninguém vive sem,pois sem ele nada é possível.Todos sofrem com o amor,mas ninguém vive sem;quando amamos é como magia pois só nós mesmos sabemos como é.
 É possível sim como acontece na maioria das vezes q a pessoa q amamos ñ ame a gente,mas com o tempo isso passa ele começa a sentir pelo menos uma pequena atração por vc.Todos sempre pelo menos uma vez na vida sofre por amor e sim isso é difícel e eu e minha bff Renata já passamos por isso como sei q a maioria de vcs também e isso é natural.
 Uma dica se vc sofre por amor tenha um diário e uma bff pra desabafar sem ter vergonha.
 Dayane Fernandes Barcellos da Silva

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Sentimento estranho

Sabe aquele sentimento novo, aquela vontade nova, aquele desejo de abraçar alguém, aquele pensamento que não te deixa em paz? Talvez paixão, talvez amor, mas o pior é que você se esforça ao máximo para descobrir que sentimento estranho é esse. Nos sentimos minúsculos diante deste sentimento imenso.
Ás vezes até acontecem coisas engraçadas e curiosas, como: Você vai por a mão em algum lugar, mas a mão de tal PESSOA já está lá, você escosta na mão da pessoa e de repente... CHOQUE! Você sente um choque, estranho, mas bom. Isso é normal que aconteça, comigo mesma já aconteceu.

segunda-feira, 16 de abril de 2012

Ser ou não ser, eis a questão.

Ser ou não ser, eis a questão.
Geralmente os jovens estão em busca de sua identidade, e após pensar que são várias pessoas que não são, enfim encontram algo que se identificam e gostam.
Querer ser o que você não é só vai lhe causar ilusão, você é o que você é. Nada mudará isto.
Só existe um obstáculo entre a pessoa que você é e a pessoa que você quer ser. Você.
Não mude pelos outros, mude por você.
Seja você mesmo, e não respeite as regras só porque são regras. Pense com a própria cabeça. Faça aquilo que acredita. Não seja só do contra, faça o que acha certo. Não aceite a imposição, questione. 
O famoso poeta Willian Shakespeare descreveu muito bem um dos maiores dilemas adolescentes: A busca pela identidade.

Diferenças

Diferenças... Algo que faz as pessoas terminarem lindas histórias de amor. Podemos usar Pedro(Micael Borges) e Alice (Sophia Abraão) como exemplo. Após uma viagem para uma praia, lugar que Pedro adora, a patricinha Alice ficou aborrecida porque odiou aquele lugar cheio de areia no meio do nada. Eles discutiram e viram que são mesmo muito diferentes. Resolveram terminar.

Será mesmo que as diferenças são algo tão grave que pode acabar com o amor? Mas as diferenças não deveriam ser boas?

Comentem e digam o que vocês acham sobre isso. Logo farei uma enquete sobre o assunto. Após o resultado da enquete eu volto a falar sobre isso.

Amizade 2

     Amizade verdadeira é coisa séria. Eu digo por experiência própria. Os amigos não são para sempre, mas a amizade é eterna. Muitas vezes na vida, nos iludimos com pessoas que há dias, meses, anos, pensávamos que eram a coisa mais importânte, nossa fonte de força, coragem... E hoje... Hoje é só mais uma pessoa em meio a bilhões. Por isso eu posso dizer: Só dá valor quando perde.

   O ser humano é assim, viu que perdeu uma amizade, viu que perdeu tudo. Pena que a gente só percebe quando já maguou, aí não tem volta, só nos resta nos magoar.

     Pra que serve um amigo? Quando o amor destroi, a amizade concerta. Agora imagine você, uma pessoa que vive isolada, sem amizos, sem ombro pra chorar, sem ter onde enfiar a cabeça... Triste.

       Eu era abençoada há alguns meses atrás, pois eu tinha amigos dos quais eu sabia que podia contar sempre, sempre. Nós éramos os mosqueteiros, um por todos e todos por um. Ajudávamos uns aos outros, e chorar de tristeza com eles me deixava até feliz. A intensidade do meu amor por eles era tanta, tanta, que eu nem consigo explicar. Mas ai... Aí acabou. Será que acabou mesmo? Como explicar uma coisa dessas? De repente tudo o que há de mais maravilhoso e extraordinario acaba, do nada. E o que me resta? Lembranças? Talvez. Eu mudei de escola e só sei que nada está como antes. Pessoas que eu falava e abraçava todos os dias, hoje nem olham mais na minha cara. Mas tudo bem... Eu os amo ainda, ainda sinto tudo aquilo que sentia antes, e não vai ser hoje nem amanhã que eu deixarei de sentir.

      Aquela química, aquela confiança, aquilo tudo que você levou anos para construir, acaba. Seja com a distância, seja com qualquer outra coisa. Mas o amor, a amizade está ali, mas está ali há tanto tempo que ás vezes é difícil obtê-la denovo, e muitas vezes, está ali há tanto tempo que você terá que construi-la tudo novamente, anos... Mas valerá a pena, pois será como voltar no tempo e viver tudo outra vez, todos os momentos bons, renovados.

     Para a amizade se fortalecer, precisa existir amor, para o amor se fortalecer precisa existir amizade.

    Não demore para dizer o quanto ama seus amigos e quanto é grato(a) por eles terem te ajudado tanto! Amanhã pode ser tarde demais.

domingo, 15 de abril de 2012

Nova moderadora

      Gente, a partir de hoje teremos uma ajudante. Ela me ajudará com as postagens, e quando eu não puder postar por algum motivo, eu mandarei a postagem para ela, e ela postará. O nome dela É Dayane, e sempre que a postagem for de autoria dela, ela escreverá embaixo. Eu preciso de alguém que sirva como moderadora como ela servirá, pois estudo de onze da manhã até sete da noite, e tenho aula aos sábados também, então ela me ajudará demais.Tenho certeza de que todos gostarão dela assim como eu gosto e a amo muito.
Amizade

 

  Os amigos são as pessoas q vc nunca poderá esquecer,pois vc terá muitos colegas,mas amigos serão sempre poucos,a amizade é algo q vc sempre precisará,sem ela vc não viverá com exemplo minha amiga Renata,sem ela não sou nada.

(Dayane Fernandes)

Lembranças



Eu sou boba orgulhosa e sarcástica. Sou lezada, ás vezes lenta... Mesmo assim eu era feliz, pois era com ele. Eu o olhava, e seu sorriso me contagiava, seus olhos castanhos me paralisavam, acariciar seus cabelos era como boiar num mar calmo. O calor de seu corpo me passava segurança.


    Nada disso importa agora, pois acabou. Acabou a segurança, a alegria, a felicidade, acabou. O amor? Quem acredita no amor? Eu? Agora eu só sei de uma coisa: Se esse  tal de amor existe, não é duradouro e nem é pra sempre. É apenas uma ilusão.


    Pensava nisso sentada na sacada quando ouço batidas na porta. Fui atender e era ele, simplesmente ELE. Tudo voltou, a segurança, a alegria a felicidade. Fiquei paralizada com seus lindos olhos castanhos, e o único gesto que consegui fazer foi dar passagem pra ele entrar.
     Ele não disse nada, só me olhou e me beijou. Talvez o melhor beijo da minha vida. Nos separamos e, finalmente ele pôde dizer algo:
     _Adeus. _ Foi só o que ele disse. E só com uma palavra, ele conseguiu destruir meu coração em mil pedaços.
     Ele se virou e foi até a porta. De repente me deu uma voltade louca de pular da sacada que estava a uns três metros de mim. Andei por dez segundos e pulei, me sentindo um pássaro e só ouço o barulho de carros lá embaixo e o grito dele lá emcima. Eu caio lentamente, quase em câmera lenta. E quando estou me aproximando do chão...
     Ouço meu despertador tocar. Está na hora de acordar, parar de sonhar. Foi tudo um sonho. E tudo o que resta são lembranças. Lembranças de você. De quando você estava aqui, comigo.

Lágrimas

 

     Lágrimas caem do meu rosto o tempo todo. Já chorei tanto quanto o número de estrelas no céu. Chorei até dormir, até acordar, até desmaiar. Chorei por você, por mim, por nós. Eu simplesmente...      Chorei. Choro. Chorarei. E as lágrimas cairam. Caem. Cairão.

     Eu serei eternamente grata por isso, pois foi com meus choros que aprendi a sorrir. Foi com minha mágoa que me fortaleci. Foi com meu desespero que aprendi a me acalmar. Foi vivenciando vários momentos ruins que aprendi a admirar momentos bons. Foram minhas lágrimas que me ensinaram a erguer a cabeça e nunca cruzar os braços diante de uma dificuldade, pois o maior homem do mundo morreu de braços abertos. Aprendi também que chorar não é sinal de fraqueza e sim de sensibilidade.

Chore, grite, deixe as lágrimas caírem, mas não esqueça: Nunca impeça que momentos ruins te ensinem como agir em momentos piores.